Análise de Sistemas
a
TWITTER
b
FACEBOOK
x
INSTAGRAM
r
YOUTUBE
Graduação / Análise de Sistemas

Análise de Sistemas

Proposta do Curso:

O curso Superior em Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistema da UNIFCV visa formar profissionais com capacidade de atuar em atividades próprias no campo profissional da Informática, como profissão liberal ou não, promovendo o desenvolvimento das organizações e  da sociedade, compreendendo também o macro ambiente e as relações nele existentes.

O profissional de Sistemas de Informação pode atuar também em empresas de assessoria e consultoria tecnológica e de desenvolvimento de sistemas, assim como em diversos setores da economia: indústria, comércio, prestação de serviços, instituições financeiras, órgãos públicos , ou como empreendedores em informática.

Mercado de Trabalho:

O mercado de trabalho para o Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas abrange um conjunto de competências gerais, que norteiam todo o desenvolvimento educacional do aluno e das quais se destacam: Empregar linguagens de programação e metodologias de construção de projetos; modelar, especificar, implementar, implantar e validar sistemas de informações; apropriar-se e utilizar novas ferramentas e metodologias computacionais; comunicar-se eficientemente nas formas escrita e gráfica; planejar e gerenciar os sistemas de informações de forma a alinhá-los aos objetivos estratégicos de negócio das organizações; aplicar a ética e responsabilidade profissional; auxiliar os profissionais das outras áreas a compreenderem como os sistemas de informações podem contribuir para as áreas de negócio; avaliar o impacto das atividades da tecnologia no contexto social e ambiental; coordenar e atuar em equipes multidisciplinares; e empreender negócios, projetos e assessoria em sistemas digitais.

Este profissional ainda desenvolverá formação científico-tecnológica, aprimorando habilidade profissional que o capacite a absorver e desenvolver novas tecnologias, estimulando sua atuação crítica e criativa na identificação e solução de problemas, considerando seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, com visão ética e humanística, em atendimento às demandas da sociedade. Seu campo de atuação está diretamente ligado as empresas do setor produtivo, comércio e serviços; empresas de Tecnologia da Informação, institutos e Centros de Pesquisa e instituições de Ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.

 

Por que cursar Análise de Sistemas na UNIFCV?

1 – VANTAGENS EM ESTUDAR ANÁLISE DE SISTEMAS NA UNIFCV

 

Empregabilidade

Segundo pesquisa interna realizada junto aos alunos da UNIFCV em 2015, 100% dos alunos egressos do curso estão empregados, 98% dos alunos que estão matriculados estão com vínculo empregatício.

Alunos matriculados recebem aproximadamente 30 propostas de emprego semanalmente, são alunos extremamente disputados pelo mercado. O curso de análise e desenvolvimento de sistemas tem uma parceria com 80 empresas de Informática de Maringá e região.

 

Conceitos de qualidade do curso

A excelência da formação é demonstrada através dos Índices de Qualidade do curso de Análise de Sistemas:

Conceito Preliminar de Curso (CPC) – INEP/MEC: nota 4, numa escala de 1 a 5.

 

Aulas

Presenciais e semipresenciais.

 

Localização

Região Central, fácil acesso aos meios de transporte urbano, excelentes possibilidades de estacionamento e alimentação.

 

Ótimos laboratórios de informática, livros novos (atualizados) e professores envolvidos com o mercado de trabalho e a realidade profissional.

A UNIFCV disponibiliza Drone, Laboratório Macintosh (Mac), Internet sem fio (wi-fi) gratuita a disposição dos alunos, parcerias acadêmicas onde nossos alunos tem todos os softwares (programas) da Microsoft gratuito.

 

Corpo docente

80% dos Professores são titulados - Mestres e Doutores, todos com muita experiência profissional na área tecnológica.

 

Flexibilização curricular

Permite o acompanhando a tendência de formação que, além dos conhecimentos adquiridos dentro da sala de aula, evidencia também o aprimoramento dos conhecimentos em outras instâncias, como o conhecimento adquirido fora da sala de aula.

 

Estímulo à Autonomia Intelectual

A autonomia significa ser autor da própria fala e do próprio agir, sendo coerente na integração do conhecimento com a ação, formando um cidadão crítico e responsável.

 

Oportunidades diferenciadas de integralização curricular
 
Alunos regularmente matriculados poderão obter dispensa de cursar uma ou mais disciplinas/unidades de estudo dentre as que compõem o currículo do curso.

 

Estágio Profissional

A UNIFCV implementou o Sistema de Orientação Educacional e Profissional – SOEP. Um setor de estágio que tem por finalidade captar vagas, orientar, supervisionar e avaliar essas atividades, orientado o aluno para o mercado de trabalho.

 

Estágio Acadêmico

Desenvolvido em Laboratório na UNIFCV reproduzindo a realidade das empresas.

 

EVENTOS

Palestras e Jornada de TI, Ciclo de Estudos: participação de empresários, palestrantes, profissionais atuantes no mercado de trabalho, lideranças empresariais e empreendedores além de proporcionar a participação em cursos direcionados à área;

 

Projetos Integradores: tem significância idêntica aos resultados das demais disciplinas, inclusive para a obtenção da certificação de qualificação profissional, o que promove o desenvolvimento das competências e integração dos conhecimentos;

 

Visitas Técnicas: realização de visitas técnicas a empresas que possuem tecnologias inovadoras e modernas na gestão dos negócios. A última viagem foi para a Microsoft;

 

Aulas Dinâmicas: ministradas por professores preparados que chamam a atenção dos alunos pelo diferencial da teoria e da prática;

 

Caráter Sistêmico: permite aos estudantes a continuidade da formação acadêmica com possibilidade de cursar uma segunda graduação, pós-graduação ou mestrado na UNIFCV;

 

Atividades de responsabilidade social: organizada pela Instituição com envolvimento dos alunos valorizando os princípios éticos, morais e da cidadania, como por exemplo, coleta de lixo eletrônico;

 

Projetos de Extensão e Iniciação científica: durante o ano letivo é ofertado vários projetos de capacitação profissional e é opção do aluno participar na Iniciação Científica da UNIFCV.

 

2 – BENEFÍCIOS EM ESTUDAR ANÁLISE DE SISTEMAS NA UNIFCV

 

I.     Excelente empregabilidade;
II.    Ótimo quadro de professores, laboratórios e livros;
III.   Localização privilegiada;
IV.  Facilidade de transporte e alimentação;
V.   Ótima infraestrutura (salas climatizadas, internet sem fio);
VI.  Opção de utilizar: FIES; PROUNI; PROMUBE e Auto Financiamento;
VII. Descontos para grupo familiares.

 

Para obter mais informações sobre outros benefícios da UNIFCV, contactar o departamento comercial no comercial@unifcv.edu.br ou (44) 3033-4242

Objetivos

Formar profissionais com forte orientação para programação de computadores, capazes de compreender globalmente o processo produtivo e aplicar as modernas técnicas e ferramentas computacionais no desenvolvimento de sistemas de informação.

Missão

Formar cidadãos capazes de atuar criativamente, de forma eficaz e inovadora nas organizações, desenvolvendo atividades de apoio ao uso de ferramentas de computação e implementando programação de alta qualidade para o funcionamento pleno dos sistemas e aplicativos de informação.

Perfil de Formação Profissional

O Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas analisa, projeta, documenta, especifica, testa, implanta e mantém sistemas computacionais de informação. Esse profissional trabalha também com ferramentas computacionais, equipamentos de informática e metodologia de projetos na produção de sistemas. Raciocínio lógico, emprego de linguagens de programação e de metodologias de construção de projetos, preocupação com a qualidade, usabilidade, robustez, integridade e segurança de programas computacionais são fundamentais à atuação desse profissional.

O Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas estará apto a executar as seguintes atividades:

1. Desenvolvimento e implantação de sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidade do sistema, especificando sua arquitetura, escolhendo ferramentas de desenvolvimento, especificando programas e codificando aplicativos;

2. Administração de ambientes informatizados, prestação de suporte técnico e treinamento ao cliente e elaboração de documentação técnica;

3. Estabelecimento de padrões, coordenação de projetos oferecendo soluções para ambientes informatizados e pesquisa de novas tecnologias em informática.

Depoimento do Aluno

 

"Trabalho na área de suporte, consultoria e implantação de sistemas há 5 anos e mesmo com toda a experiência, sentia que me faltava um embasamento técnico, saber o porquê das coisas. O curso da UNIFCV tem me proporcionado esse saber, pois tem uma equipe de docentes qualificada e sempre pronta a ajudar e sanar dúvidas. Um dos pontos fortes é o livre acesso aos professores e a coordenação, facilitando a comunicação e possibilitando o networking. Sinto que ao escolher a UNIFCV agreguei valor a minha vivência profissional e pessoal".

 

Marcelo Luiz Leite

Ocupações CBO associadas

Segundo o  Ministério do Trabalho e Emprego, a Classificação Brasileira de Ocupações (CBO) é um documento que retrata a realidade das profissões do mercado de trabalho brasileiro.

Acompanhando o dinamismo das ocupações, a CBO tem por filosofia sua atualização constante de forma a expor, com a maior fidelidade possível, as diversas atividades profissionais existentes em todo o país, sem diferenciação entre as profissões regulamentadas e as de livre exercício profissional. 

 

O profissional formado pelo curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, terá as seguintes especificações: 

2124-05 -Tecnólogo em análise e desenvolvimento de sistemas.

2124-05 -Tecnólogo em processamento de dados.

Análise de Sistemas

Prof. Me. André Dias Martins

Professional & Life COACHING, Leader COACH e Mentor COACH, pelo Instituto Global de CoaChing IGC de Maringá (2019). Bacharel em Sistemas de Informação pela UNIPAR, Universidade Paranaense, Campus Paranavaí (2004-2007), Licenciado em Sistemas de Informação pelo Plano Nacional de Formação de Professores PARFOR, UEM, Universidade Estadual de Maringá (2013-2014). Licenciado em Pedagogia pelo Instituto Superior de Educação Alvorada Plus (UniPiaget) de Maringá (2012-2015). Licenciado em Matemática pelo Centro Universitário de Jales, UNIJALES (2016-2018) Especialista em Desenvolvimento de Sistemas para Web, pela UEM, Universidade Estadual de Maringá (2008-2010). Especialista em Pesquisa Educacional, pela UEM, Universidade Estadual de Maringá (2012-2013). Especialista em Docência no Ensino Técnico e Profissional pelo Instituto Cotemar de Educação (2015-2016). Especialista em Docência com Ênfase em Distúrbios de Aprendizagem pelo Instituto Cotemar de Educação (2016-2017). Mestre em Ensino e Tecnologia pelo Programa de Mestrado em Metodologias para o Ensino de Linguagens e suas Tecnologias da UNOPAR - Universidade do Norte do Paraná, Campus Londrina (2014-2015). Doutorando pelo Programa de Pós Graduação em Educação para o Ensino da Ciência e Matemática, PCM UEM, Universidade Estadual de Maringá (2017-2020). Coordenador dos Cursos Superiores de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Design Gráfico e Professor na Graduação e Pós Graduação do Centro Universitário Cidade Verde UNIFCV, atuando nos Cursos de: Administração de Empresas, Ciências Contábeis, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Marketing e Design Gráfico. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Desenvolvimento de Sistemas para Web e Formação de Professores, tendo especial interesse nas seguintes áreas: Engenharia de Software I, II e III, Planejamento e Métricas de Software, Gerenciamento de Projetos de Software, Gestão de Projetos, Tecnologia da Informação e Comunicação, Informática na Educação, Novas Tecnologias da Informação e Comunicação, Ética e Sociedade, Gestão de Marcas e Produtos e Comunicação Empresarial. 

 

Análise de Sistemas

● Portaria de Autorização - MEC: Portaria SESu/MEC 143, de 27/09/2010, publicado no DOU em 29/09/2010

● Portaria de Reconhecimento - MEC: Portaria nº 821, de 29/10/2015, publicado no DOU em 05/11/2015. 

● Diploma conferido: Tecnólogo

● Total de vagas anuais: 100

● Turno de funcionamento: Noite - 100 vagas

●Mensalidade: A partir de R$ 649,00 (Consulte nossos programas de benefícios. Deixe os seus dados acima e entraremos em contato). 

● Modalidade: Ensino presencial

● Regime de matrícula: Seriado semestral modular

● Carga horária total do curso: 2.200 horas

● Integralização da carga horária:

Tempo mínimo: 5 semestres

Tempo máximo: 10 semestres

Análise de Sistemas

Comunicação Empresarial - 80h

Psicologia das Organizações - 80h

Introdução a Administração - 80h

Empreendedorismo - 80h

Ciências Sociais - 80h

Sistema de Informações Gerenciais - 80h

Métodos Quantitativos Matemáticos - 80h

Algoritmos e Lógica de Programação - 80h

Estrutura de Dados - 80h

Paradigmas de Linguagem de Programação - 80h

Programação Orientada a Objetos - 80h

Modelagem de Banco de Dados - 80h

Gerenciamento de Banco de Dados - 80h

Fundamentos da Engenharia de Software - 80h

Planejamento de Projetos de Software - 80h

Gerência de Projetos em TI - 80h

Sistemas Operacionais - 80h

Redes de Computadores e Segurança - 80h

Laboratório de Programação de Algoritmos - 80h

Laboratório de Programação para Estrutura de Dados - 80h

Laboratório de Programação de Paradigmas - 80h

Laboratório de Programação Orientada Objetos - 80h

Programação para Dispositivos Móveis - 80h

Design visual e multimídia para Internet - 80h

Programação para Internet - 80h

 

- Carga horária em disciplinas: 2000h

- Atividades Acadêmicas Complementares: 160h

- Optativa Libras: 80h

- Carga horária total: 2240h